sábado, 29 de outubro de 2016

COMEMORANDO HALLOWEEN-SAMHAIN ou DIA do SACI (Brasil)


A Rodas do Ano Celta

Se você quer seguir antigas tradições e comemorar estes rituais, ou talvez o faça apenas como trabalho psicológico ou espiritual, mesmo sem seguir o paganismo ou a Wicca como crença ou religião, caso já tenha outra crença; aqui colocamos alguns dos elementos para que possa comemorar, em grupo ou círculo - se vão se encontrar só pra festejar; ou nos chamados Covens- se já existe o grupo com iniciados em alguma tradição; ou sozinha/o. Comecemos pelas datas, que mudam por causa das estações serem diferentes nos hemisférios:

Calendário da Festas-Sabbats Celtas

Usando de todos os elementos, ou apenas alguns; honrando os antepassados ou apenas Meditando sobre sua própria existência; fazendo o ritual como uma Terapia... em outubro, seguindo a roda do norte; ou em maio seguindo a roda do sul...ou nas duas datas...Você é quem decide!

Um Coven em um Sabbat

Os elementos rituais para este Sabbt, Samhain/Halloween que é considerado o mais importante do ano, já que encerra um ano ou ciclo para que outro recomece, segundo os celtas e outras antigas tradições são:

A comemoração solitária.

 Cores: preta, lilás, alaranjado
 Vassoura- usada para limpeza física, astral, emocional e espiritual e pode ser deixada no espaço; o junto ao altar, ou pendurada na porta.
 Velas:  de cor preta/lilás: para a transmutação; de cor laranja: para procissão e iluminação colocadas dentro das lanternas feitas com abóboras.
Fogueira: onde pode-se queimar giesta-das-vassouras, urze ou linho.

Vassouras e chapéus são usados
   
Animais: aranhas e suas teias mostrando o tecer da vida; o destino,
Serpentes: representando a Kundalini; a subida da espiritualidade
Morcegos: representando o mistério


A"teia"da vida, o destino...
   
Corujas: representando a Sabedoria ancestral; a inteligência; a vigilância
Gato: representado o encantamento e a magia;
Sapos: por serem sensitivos e reagirem a espíritos e energias psíquicas.


A coruja - sabedoria e o gato - meditação.
   
Flores: crisântemo e calêndulas para enfeitar o altar ou a mesa;
Folhas: salgueiro, samambaias e ciprestes; galhos e bolotas de carvalho- representam proteção, força (carvalho- a árvore da vida);
Raiz: de mandrágora ( na falta use gengibre)
Frutas: maçã e romãs, representando a morte e o renascimento; as avelãs para atrair sabedoria mágica.

O incenso representa o elemento Ar.

Incensos: sálvia,(iluminação, expansão da consciência, espiritualidade) carvalho (firmeza e prosperidade) cedro (purificação, cura) sândalo, mirra e copal (espiritualidade, cura e exorcismo)
Bebidas: sidras, suco de uva, de maçã; chás especialmente preto com especiarias.
Pedras: ônix, a obsidaiana, o jaspe sanguineo, o cristal esfumaçado.

Minha comemoração ou ritual.

  No altar colocam-se, junto a figuras dos ancestrais (se assim decidir) bolos ou frutas que, depois do ritual, são colocados ao pé de uma árvore.  
O caldeirão ( pode substituir por panela ou lata) se faz necessário para queimar papéis com o que se quer desapegar, eliminar; e com os pedidos para o novo ano.
Oráculos: se quiser visualizar os caminhos à frente; ou pedir orientação de vida, psicológica ou espiritual.

Oráculos: Tarô, Runas, I Ching

As roupas pode ser pretas, laranjas ou lilás e pode se usar máscaras de animais, (ou fazer parte da decoração) representado seu aliado ou animal de poder. Se quiser, use um chapéu de ponta indicando que a energia vem do alto...

A comemoração é feita com bolos, abóboras, frutas acompanhado de sidra, chá de sálvia, hibisco (fortalece os chakras básico e sexual nos ligando a terra; aumenta a função da glândula Hipófise-terceiro-olho e da Pineal melhorando a Intuição) ou calêndula (meditação e fortalecer o plexo solar) chá preto com especiarias ou suco de uva, ou de maçã.

Honrando os ancestrais.
 
 Pode-se, ainda, incluir no ritual: caminhar por um labirinto ao som do batido de tambor (ou poderá aqui usar a imaginação/visualização)

Neste ritual reverenciam-se os ancestrais, e com sua ajuda, pode-se empreender uma viagem simbólica ao ventre escuro da Mãe-Terra buscando a regeneração; o perdão, a transformação.

Labirinto do Parque Malweee
- Jaraguá do Sul - SC - BR -

É assim, o SAMHIN, um ritual forte, 
de Morte e Renascimento!
_____    ***   _____

Quer ler sobre a História do Halloween?
http://magiadailha.blogspot.com/2012/10/hallowen-samhin-31-de-outubro.html

Quer algumas receitas para sua Comemoração?
http://magiadailha.blogspot.com/2010/10/receitas-para-halloween-ou-dia-do-saci.html


Postado por Geni Mafra Souza

Fontes de pesquisa:

- FAUR, Mirella, O Anuário da Grande Mãe, 2ª edição, São Paulo SP, Gaia, 2001.
- CUNNINGHAM, Scott e HARRINGTON,David, A Casa Mágica, 2ª edição, São Paulo SP, Gaia, 2001.
- CABOT, Laurie, O Poder da Bruxa, Rio de Janeiro, Campus, 1990.
- Almanaque do Pensamento, editora Pensamento/Cultrix, diversas edições.
- Almanaque Wicca, editora Pensamento, diversas edições.

Imagens Net



Nenhum comentário:

Postar um comentário